Em 2008, o país de Ruanda baniu as sacolas plásticas e, no início de 2019, proibiu todos os plásticos de uso único.

Ruanda adota projeto de lei para proibir plásticos de uso único

O gabinete de Ruanda aprovou na semana passada um projeto de lei que visa proibir a fabricação, o uso e a venda de plásticos descartáveis, uma medida que deverá afetar as operações de importadores e fabricantes locais.

A aprovação do rascunho ocorreu antes da Cúpula da EAC em 1º de fevereiro, na qual os chefes de estado da região deveriam concordar com o Projeto de Lei de Controle de Materiais de Polietileno da EAC de 2018, que veria a região adotar uma estrutura comum sobre a eliminação do uso de plásticos.

A lei busca a proibição de garrafas plásticas de água, canudos descartáveis, pratos, colheres, copos e outros produtos. Uma vez aprovada pelo legislador, ela complementará outra lei que existe desde 2008 que ilegaliza o uso de sacolas de polietileno não biodegradáveis. Continue lendo

Fonte: http://rwandatoday.africa/business/Rwanda-adopts-draft-law-to-ban-single-use-plastics/4383192-4964468-d6j7a1z/index.html