cascas de laranja da floresta costa rica

Como as cascas de laranja salvaram uma floresta tropical inteira?

As florestas tropicais são essenciais para a vida humana, porque são a principal fonte de oxigênio do nosso planeta. Mas por causa do abuso constante da humanidade com atividades como extração ilegal de madeira e desmatamento, nosso clima é gravemente afetado. Então você deve estar se perguntando, como um monte de cascas de laranja salvou uma floresta tropical inteira?

Em 1997, a Del Oro, uma empresa de suco, despejou cerca de 12,000 toneladas métricas de cascas de laranja em uma terra árida no Parque Nacional da Costa Rica. 16 anos depois, o espaço se transformou em uma floresta exuberante repleta de vinhas e outras áreas verdes.

Isso foi um acidente?

Ao contrário do que as pessoas possam pensar, não foi um acidente. Na verdade, foi muito bem pensado. (Fonte: Alerta ciência)

Em 1997, dois ecologistas da Universidade da Pensilvânia e Del Oro, uma nova empresa de sucos de frutas da Costa Rica, fizeram parceria para um projeto experimental. A empresa possuía um terreno que ficava próximo à divisa da Área de Conservação de Guanacaste. Em troca de mais espaço, Del Oro assinou um acordo para que eles possam despejar seus resíduos agrícolas em algumas áreas do parque. (Fonte: Bored Panda)

A Del Oro não utilizava produtos químicos ou inseticidas em seus produtos e o acordo permitia o descarte de apenas um determinado tipo de resíduo agrícola - casca e polpa de laranja. (Fonte: Bored Panda)

Os resíduos destinam-se apenas a ser despejados em solos de má qualidade, e serão acompanhados de perto pela gestão do sistema de resíduos da empresa. (Fonte: Bored Panda)

Qual foi a reação do cidadão a este acordo?

Nem todos ficaram satisfeitos com o acordo. TicoFrut, rival da Del Oro, processou a empresa por dumping desperdício perigoso de cascas podres que atraem toneladas de moscas. Acontece que a TicoFrut estava tendo problemas com seu sistema de gerenciamento de resíduos e foi forçada a reformar sua própria instalação de processamento. (Fonte: Bored Panda)

O que outros não conseguiram entender é que esse arranjo era mais um experimento ecológico do que uma corporação tentando se safar jogando seus resíduos. (Fonte: Bored Panda)

O que aconteceu com o processo?

Mesmo com a evidência empírica fornecida por vários grupos ambientalistas de que o experimento era ecologicamente seguro, a Suprema Corte da Costa Rica encerrou todo o estudo. (Fonte: Bored Panda)

A essa altura, já havia 12,000 mil toneladas de casca de laranja e polpa em três hectares de terra. Quando os tribunais encerraram o experimento, as cascas foram deixadas para trás. (Fonte: Alerta ciência)

16 anos depois ...

Em 2013, um estudante de graduação da Universidade de Princeton chamado Timothy Treuer estava procurando tópicos para estudar e conseguiu se conectar com um dos autores originais da pesquisa da empresa Del Oro. Ele decidiu fazer um estudo de acompanhamento sobre os efeitos das cascas que haviam sido deixadas no parque nacional. (Fonte: Alerta ciência)

Treuer disse “Estava tão coberto de árvores e vinhas que eu não conseguia nem ver a placa de 7 metros de comprimento com letras amarelas brilhantes marcando o local que ficava a apenas alguns metros da estrada.“ Eu sabia que precisávamos ir com algumas métricas realmente robustas para quantificar exatamente o que estava acontecendo e para apoiar este teste de olho, que estava aparecendo neste lugar e percebendo visualmente quão impressionante era a diferença entre áreas fertilizadas e não fertilizadas. ” (Fonte: Bored Panda)

Treuer voltou para a Costa Rica em 2014 com uma equipe completa de cientistas para estudar a floresta exuberante. Uma das principais observações foram; que as cascas haviam transformado completamente a qualidade do solo da terra. O solo passou de um estado seco sem vida a uma mistura rica e argilosa. (Fonte: Scientific American)

Com a gestão adequada dos resíduos agrícolas, pode haver muitas histórias de sucesso como esta.

Deixe um comentário